Search
Close this search box.

Athletico goleia o Maringá e conquista o bicampeonato paranaense no ano do centenário

Athletico é bicampeão do Paranaense 2024. O título do Rubro-negro deste ano em que completa o seu centenário, foi confirmado com a vitória por 3 a 0 sobre o Maringá, na noite deste sábado, 06, na Ligga Arena, com gols de Pablo, Fernandinho e Mastriani.

No primeiro jogo das finais do Estadual o Furacão já havia vencido por 1 a 0. Este é o 28º título paranaense do Athletico na sua história. Com a conquista, o Rubro-Negro levantou a taça Gil Rocha, nomeada assim em homenagem ao jornalista paranaense que faleceu no ano passado.

“Muito feliz, mais uma conquista, um ano muito especial para o clube, se tratando do centenário. Vamos curtir esse momento que é muito importante para nós”, comemorou o zagueiro Thiago Heleno, que agora tem quatro títulos paranaenses, em entrevista para a Rede Furacão.

O jogo

Diante de um grande público na Ligga Arena (36.692 pagantes, 37.758 total), a finalíssima começou truncada, com muita marcação, mas poucas chances claras de gol. Esquivel e Canobbio, por exemplo, até tiveram oportunidades, mas não conseguiram marcar.

Até que, aos 26 minutos do primeiro tempo, a torcida rubro-negra pode comemorar o primeiro gol do jogo. No lance, Pablo tabelou com Christian e chutou. A bola desviou na zaga adversária e o goleiro do Maringá não conseguiu fazer a defesa. 

Ainda no primeiro tempo, aos 39 minutos, o Furacão fez o segundo. Após um contra-ataque rápido, Christian foi derrubado dentro da área. Pênalti que Fernandinho converteu com tranquilidade. 

No segundo tempo, com a boa vantagem na soma dos placares dos dois jogos, o Athletico administrou mais a partida, com poucos lances de perigo. O Maringá, que fez uma ótima participação neste Paranaense, tentou reagir, mas esbarrou em mais uma ótima performance do goleiro Bento.

Quando parecia que o placar estava definido, o Athletico ainda fez o terceiro gol, aos 49 minutos do segundo tempo. Após contra-ataque, Alex Santana tocou para Mastriani mandar para o fundo da rede. Furacão bicampeão! 

Além do título, o Rubro-Negro acabou o campeonato com a defesa menos vazada, com apenas sete gols sofridos. O goleiro Bento foi homenageado como melhor goleiro da competição. 

Confira abaixo os gols da vitória e do título do Furacão:

IMG_20240522_151931
Mais três corpos são encontrados enterrados em praia de Balneário Arroio do Silva
WhatsApp Image 2024-05-22 at 17.51
Simulação de atendimento em acidente de trânsito é realizada em Criciúma
WhatsApp Image 2024-05-23 at 11.01
Comunicadores levam susto com princípio de incêndio durante programa de rádio ao vivo em Criciúma