Search
Close this search box.

Grupos táticos da Polícia Federal atuam na região do 4º Distrito em Porto Alegre

O Comando de Operações Táticas (COT) e o Grupo de Pronta Intervenção (GPI) da Polícia Federal (PF) passaram a atuar no 4º Distrito, em Porto Alegre, em ações de policiamento ostensivo, em coordenação com a Secretaria da Segurança Pública do Rio Grande do Sul.

Os grupos táticos da PF percorrem as ruas para reprimir crimes de furto e saques contra residências empresas estabelecidas na região, com utilização de equipamentos especiais para patrulha noturna.

A PF tem atuado com 400 policiais em coordenação com a Secretaria da Segurança Pública para ações de policiamento ostensivo em Eldorado do Sul, ilhas do Guaíba, bairros Menino Deus e Azenha, e desde o final de semana, no 4º Distrito.

No início desta semana, a PF reforçou as equipes que atuam em Pelotas e Rio Grande com a mobilização de policiais que atuam no Núcleo de Polícia Marítima.

Estão mobilizados para a Operação Esperança os grupos especiais COT, GPI, NEPOM, CAOP e os policiais federais do Rio Grande do Sul e de diversos estados que apoiam as ações de policiamento ostensivo e resgate.

Até o momento, a Polícia Federal resgatou 3.131 pessoas e 1.310 animais nas áreas afetadas pelas enchentes.

Confira abaixo imagens das operações de segurança realizadas na Capital gaúcha:

WhatsApp Image 2024-06-07 at 08.18
Incêndio de grandes proporções provoca destruição em pavilhões do Ceasa de Curitiba
WhatsApp Image 2024-06-06 at 09.25
Grupo empresarial com sede em Içara é alvo de operação por fraude de mais de R$ 56 milhões contra os cofres públicos
WhatsApp Image 2024-06-03 at 11.22
Operação Burning resulta na prisão de suspeitos por incendiarem ônibus em Porto Alegre